segunda-feira, 28 de junho de 2010

TE AMAR È UMA CACHAÇA

TE AMAR È UMA CACHAÇA
(Victtoria Rossini)

O teu amor é uma cachaça
Das mais bagaça
Adulterada
Daquelas mais safadas
Feitas pra arrebentar

Resssaca certa
Dor de cabeça
Dor de barriga
Arrependimento
E promessas de nunca mais tocar

Não sei se o gosto pior
É na hora vomitar
Ou na hora de entornar

Mas sou viciada!
Apaixonada!
E isso ainda vai me matar!

PS:
URGENTE me indiquem um A.A.A *
(Associação os Alcólicos Anônimos.
Ou no meu caso: Associação dos Apaixonados Anônimos)
Por mais que minha burrice seja famosa!

2 comentários:

neuza.oliveira disse...

isso é o que estou sentindo agora.. hoje e sempre.. é zica.. mas quero mais muito mais me embriagar..

Victtoria Rossini Poesias disse...

hahaha concordo Neusa!
Tenho uma poesia que diz: o amor é o ópio do mundo..
Quero mais é todos doidões e felizes hahaha
bjs querida e obrigada pelo carinho
\o/