sexta-feira, 24 de junho de 2011

MULHERES INDEFESAS

MULHERES INDEFESAS
(Victtoria Rossini)

Esse é um clamor a ecoar no tempo...
Marias e Madalenas
Nuas
Sozinhas
Indefesas
Ja choraram em seus leitos.
Em crianças no peito
Ja respingaram essas mágoas

Corpos marcados
Mentes mortas
Braços sem forças
E corações morimbundos

Até quando?
Nossas mulheres serão vítimas
Ao invés de companheiras?
Matratadas...Ao invés de amadas??

Até quando
Dores e humilhação
Serão o pão
Servido as nossas irmãs?

-------------------------------------
PS:Fiz para a amiga de uma amiga vítima de violência doméstica.

2 comentários:

DGAUDIO PROCOPIO O POETA disse...

tocante e sensual, bom

Victtoria Rossini Poesias disse...

:)
Obrigada POeta!!
E adorei a visita!!
Seja sempre bem vindo
abraços
\o/