sábado, 17 de abril de 2010

EXPLOSÃO ELEMENTAR


EXPLOSÃO ELEMENTAR
(Victtoria Rossini)

Exagerada eu?!
Impressão tua!
Eu sou a própria expressão
Da voragem da paixão

Quando vento...
Sou tempestade
(Poucas vezes sou brisa leve)

Quando água...
Sou tsunami
( Em pequenas doses aplaco a sede)

Quando fogo...
Sou explosão
(Quando controlada sou farol)

Quando endurecida
Sou rocha
(Quando lúcida sou suporte)

Alquimia bruta
Num ser em transformação
Sempre resvalando
Entre os extremos
Numa sinfonia elementar

Quando você parar
Para me observar
Ja fui...

2 comentários:

Orides Correa Siqueira disse...

Oi voce alem de muito bonita é uma otima poetisa, parabens e pode acreditar voce é boa nisto bjs no seu coração !!!!

Victtoria Rossini Poesias disse...

\O/
Muito obrigada!
Abraçoe um lindo fim de semana Orides
=**